quarta-feira, 28 de abril de 2021

Governadores estudam entrar com medida judicial no STJ pelo afastamento da subprocuradora que tem investigação “robusta” sobre “covidão”

 Governadores estudam entrar com medida judicial no STJ pelo afastamento da subprocuradora Lindôra Araújo das investigações sobre supostos desvios de verbas federais enviadas aos Estados. Podem também solicitar o trancamento das ações.

A leitura, entre os gestores estaduais, é de que dificilmente o afastamento da subprocuradora se dará via Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP). Em linhas gerais, alegam que a subprocuradora emitiu “açodado” e “severo juízo de valor” sobre governadores, “à míngua de suficientes elementos”.

Procuradores avaliam que a investigação está bem fundamentada, talvez a mais robusta da leva do “covidão” nos Estados, mas temem que a “fama” de Lindôra seja usada pelo governador.

Com Coluna Estadão

Fórum discutirá Turismo Religioso no Seridó

“O  Turismo Religioso  e as  Expressões  do  Sagrado  no  Seridó Potiguar ” será o tema do  1° Fórum  de  Turismo Religioso  do  Seridó , co...