domingo, 23 de maio de 2021

Papa: vigília de Pentecostes marque para nós o início de um novo testemunho

"A Vigília de Pentecostes desta noite pode ser o início de um novo testemunho”: são os votos do Papa Francisco dirigindo-se aos fiéis de várias denominações cristãs que participaram da Vigília ecumênica e internacional de Pentecostes.

A iniciativa foi organizada por Charis – Serviço Internacional para a Renovação Carismática Católica - instituição desejada pelo próprio Pontífice e que trabalha pela unidade dos cristãos desde 2019. O evento foi realizado na Igreja anglicana de Cristo, em Jerusalém, em conexão on-line com comunidade de outras cidades do mundo.

“Esta é uma noite muito especial”, afirma o Papa Francisco, dirigindo seu pensamento à descida do Espírito Santo sobre Maria e os apóstolos no Cenáculo, que transformou para sempre “suas vidas e toda a história”. Falando sua a primeira comunidade de fiéis descrita pelos Atos dos Apóstolos, o Papa afirma:

Ninguém passava necessidade, porque tinham tudo em comum. E o povo dizia deles: “Vejam como se amam!”. O amor fraterno os identifica. A presença do Espírito os torna compreensíveis”. Esta noite ressoa em mim, mais do que nunca, a frase "vejam como se amam"! Como é triste quando dizem dos cristãos: "vejam como brigam". O mundo de hoje pode dizer sobre os cristãos "vejam como se amam" ou então "vejam como se odeiam" ou ainda "vejam como brigam"? O que aconteceu conosco? Pecamos contra Deus e contra nossos irmãos. Estamos divididos porque quebramos em mil pedaços o que Deus fez com tanto amor, compaixão e ternura. Todos nós precisamos pedir perdão ao nosso Pai; precisamos perdoar-nos uns aos outros. 

Vem Espírito Santo, transforma o meu coração

O Papa prossegue observando que, mais do que nunca, é necessária e urgente a unidade dos cristãos. Isso se torna evidente num mundo atingido pela epidemia, efeito de um vírus, consequência do egoísmo que torna os pobres mais pobres e o ricos mais ricos, escreve Francisco, enquanto a natureza é depredada pelo homem, ao qual Deus a confiou.

Irmãos e irmãs, esta noite pode ser uma profecia, o início de um testemunho que nós cristãos, juntos, devemos dar ao mundo: ser testemunhas do amor de Deus que foi derramado em nossos corações pelo Espírito Santo, que nos foi dado. O amor ao qual nós, fiéis em Jesus, fomos chamados. Nesta noite, milhares de cristãos, de todos os cantos da terra, elevam a mesma oração: “Vinde Espírito Santo! Vinde Espírito de Amor mudar a face da terra e do meu coração”!

Voltar a ser testemunhas do amor de Deus

A exortação final do Papa a todos os cristãos é que voltem a oferecer ao mundo o testemunho do amor recíproca da primeira comunidade, a sair juntos, transformados pelo Espírito, para mudar o mundo. E evoca a profecia de Isaías (2, 2-4):

No fim dos tempos, acontecerá que o monte da casa do Senhor será colocado no cume das montanhas e dominará as colinas. A ele acorrerão todas as gentes e os Povos virão em multidão e dirão: “Vinde, subamos à montanha do Senhor, à casa do Deus de Jacó: ele nos ensinará seus caminhos e nós trilharemos as suas veredas. Pois de Sião sairá a Lei e, de Jerusalém, a Palavra do Senhor. Ele será o juiz das nações, o governador de muitos povos. De suas espadas forjarão relhas de arados e, de suas lanças, foices. Uma nação não levantará a espada contra outra e não se arrastarão mais para a guerra" (Isaías 2). Assim seja!

Município de Tenente Laurentino Cruz emite Certidão Negativa de Débitos Federais

Após 6 anos, o município de Tenente Laurentino Cruz/RN consegue emitir novamente Certidão Negativa de Débitos Federais junto a Receita Feder...