quarta-feira, 30 de junho de 2021

Projeto da ALRN determina garantia de pelo menos 80% da velocidade de internet contratada

Os moradores do Rio Grande do Norte (RN) poderão ter, nos próximos dias, a garantia de que a velocidade contratada para a internet de banda larga ou móvel será, pelo menos, correspondente a 80% do que foi acordado com a prestadora do serviço. Um projeto de lei do deputado Ezequiel Ferreira (PSDB), que já foi aprovado pela Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, garante o direito aos consumidores. Agora, resta a sanção da medida.

Pela proposta que foi aprovada, as prestadoras de Serviço de Comunicação Multimídia (SCM) que atuam no Rio Grande do Norte deverão garantir uma velocidade média de conexão à internet banda larga ou móvel, tanto no download quanto no upload, de, no mínimo 80% da velocidade contratada pelo assinante.

A velocidade média de conexão de internet será obtida através da média aritmética simples dos resultados das medições de velocidade instantânea, realizadas durante um mês. Em caso de descumprimento e a velocidade esteja abaixo dos 80%, em média, o projeto prevê punição.

Caso o percentual não seja atingido, a prestadora deverá realizar o abatimento automático referente ao valor proporcional do serviço não prestado, acrescido de multa no valor do 10% do total da fatura, já no mês seguinte ao período da reivindicação e ocorrência do dano ao consumidor. Porém, em caso de descumprimento, a empresa poderá também ser multada m R$ 2 mil por cada autuação.

“Infelizmente, é prática comum no mercado que os provedores anunciem uma velocidade de conexão grande, mas, quando o serviço é contratado, constata-se que a velocidade fornecida é muito inferior ao acordado e, até mesmo, ao valor mínimo estipulado pela ANATEL. Em tais casos, a prestadora acaba se justificando com o fato de que o contrato trata da velocidade máxima, e não média, e assim o problema permanece sem nenhuma solução devido a ausência de penalidades objetivas. Por isso, apresentamos o projeto de lei, com o objetivo de penalizar as empresas que descumprirem com o fornecimento da velocidade média mínima estabelecida pela Anatel”, justificou Ezequiel Ferreira.

Complexo Eólico Currais Novos é apresentado em audiência pública virtual

Com o objetivo de contribuir para manter o País como protagonista na geração renovável, a Ventos de São Rafael realizará no dia 07 de julho (quarta-feira), às 9h15, audiência pública remota para apresentação e discussão do Estudo de Impacto Ambiental (EIA) e respectivo Relatório de Impacto Ambiental (RIMA) referente à construção do Complexo Eólico Currais Novos nos cinco municípios da Área de Influência Direta (AID), quais sejam: Currais Novos, São Tomé, Lajes Pintadas, Campo Redondo (Rio Grande do Norte) e Picuí (Paraíba).

A audiência pública será realizada de forma on-line na plataforma virtual Google Meet e com transmissão no Youtube no canal “IDEMA Socioambiental”. Devido à pandemia da Covid-19, o evento seguirá os protocolos de segurança para prevenção do novo Coronavírus nos pontos de apoio onde vão acontecer a transmissão.

A audiência pública tem como meta expor aos interessados e populações impactadas o conteúdo do estudo ambiental, sanar dúvidas e recolher dos presentes as críticas e as sugestões sobre o estudo de viabilização do Complexo Eólico Currais Novos, de interesse da Ventos de São Rafael.

A participação é aberta aos moradores de Currais Novos, São Tomé, Lajes Pintadas, Campo Redondo (Rio Grande do Norte), Picuí (Paraíba) e mais oito comunidades rurais pertencentes aos municípios mencionados (lista ver das comunidades abaixo) mediante acesso ao Google Meet pelo link: meet.google.com/xgo-schn-mtr, para perguntas orais e no canal do IDEMA Socioambiental no YouTube (www.youtube.com/user/IDEMASOCIOAMBIENTAL) com espaço para perguntas e comentários escritos.

A condução da audiência pública será feita pelo Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente (IDEMA) com participação das empresas Maron Consultoria e Saberes – Planejamento e Gestão Ambiental, responsáveis pela elaboração do estudo.

O Complexo Eólico Currais Novos, denominado juridicamente como Ventos de São Rafael Energias Renováveis S.A., do grupo Casa dos Ventos, será composto por 16 parques eólicos, com potência de 1.016,4 MegaWatts, provenientes de 242 aerogeradores.

Lei prevê multa para quem divulgar ‘fake news’ sobre pandemia da covid-19 no RN

A governadora do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra, sancionou nova lei que prevê multa para quem divulgar ‘fake news’ sobre a pandemia da covid-19 no âmbito do estado potiguar. A lei, de número 10.937/2021 foi publicada na edição do Diário Oficial desta terça-feira (29). 

O projeto de lei havia sido proposto, em abril de 2020, pelo então deputado estadual Sandro Pimentel. Após mais de um ano de trâmites, o texto foi aprovado pela Assembleia Legislativa e sancionado pelo Executivo. De acordo com o deputado autor da proposta, a lei tem o objetivo de impedir a divulgação ou compartilhamento, por qualquer meio, de notícia ou informação falsa, que afete o interesse público ou vise a obtenção de vantagens de qualquer natureza em temas relacionados à pandemia do coronavírus.

O texto estabelece multa de R$ 1.000,00 para quem divulgar ou compartilhar fake news que causem pânico ou tumulto social. A pena é dobrada se a notícia for comprovadamente atribuída a autoridade pública.

Na justificativa, Sandro ressaltou que as chamadas ‘fake news’, além de atrapalhar o trabalho de conscientização dos Órgãos de Saúde e do Governo no combate a essas doenças, acabam causando pânico e colocando em risco a segurança e saúde das pessoas, o que é uma infração de contravenção penal.

A lei das “Fake News” tem validade enquanto perdurar o estado de emergência relativo à pandemia pelo coronavírus. Ainda de acordo com o texto, o valor arrecadado com as multas será revertido no combate à pandemia.

Governo Federal autoriza desapropriações em seis municípios do RN para obras da transposição do Rio São Francisco

Decreto assinado pelo presidente Jair Bolsonaro e pelo Ministro Rogério Marinho declara de utilidade pública, para fins de desapropriação ou de instituição de servidão de passagem, em favor da União, os imóveis de propriedade particular constituídos de terras, benfeitorias e acessões , inclusive o domínio útil dos terrenos foreiros que constituem as áreas complementares necessárias à implantação e conclusão do Projeto de Integração do Rio São Francisco com Bacias Hidrográficas do Nordeste Setentrional e de suas obras associadas, localizados nos Estados do Ceará, da Paraíba, de Pernambuco e do Rio Grande do Norte.

No RN, ocorrerão desapropriações nos seguintes municípios:

José da Penha (RN);

Luís Gomes (RN);

Major Sales (RN);

Marcelino Vieira (RN);

Paraná (RN);

 Tenente Ananias (RN).

Governo do RN conclui salário do mês de junho nesta quarta-feira (30)

O Governo do Rio Grande do Norte (RN) quita o salário do mês de junho nesta quarta-feira (30), conforme calendário de pagamentos acordado no início deste ano, com o depósito de R$ 195 milhões na conta dos servidores. Com isso, o Executivo Estadual conclui a folha de R$ 495 milhões deste mês.

Triplicam os investimentos na Bacia Potiguar sem a Petrobras

O cheiro que vem da cozinha é bom, mas os pratos ainda não chegaram todos à mesa. Com expectativa em torno do fim do processo de venda dos polos Bahia Terrestre, Alagoas e Potiguar pela Petrobras, a entrada de novos investidores na produção de petróleo em terra no Rio Grande do Norte já triplicou junto com os serviços mensais relacionados ao setor no estado.

Apenas o Centro de Tecnologias do Gás e Energias Renováveis (CTGAS-ER), unidade do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial no RN (SENAI RN) especializada em formação de mão de obra qualificada e na prestação de serviços para a indústria, registrou incremento de até 200% na demanda dos laboratórios em 2020. Já é um belo tira-gosto.

“E a previsão em 2021, num horizonte maior, é de mais expansão”, assegura Rodrigo Mello, diretor do Centro.

O aquecimento, segundo ele, tem sido percebido especialmente no monitoramento de qualidade do gás dos poços e em serviços metrológicos de equipamentos envolvidos na produção, a exemplo da calibração de equipamentos de pressão e temperatura.

As análises são obrigatórias para as empresas e precisam ser realizadas periodicamente por exigência da Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).

“Investimos mais de meio milhão de reais no nosso laboratório de qualidade do gás para atender contratos com novas empresas como resultado da desmobilização dos ativos da Petrobras, do investimento dos novos players no processo de produção”, acrescenta Rodrigo.

Mas ele alerta que o processo ainda está lento em novos poços, embora muito firme no banco de produção, nos poços que já existiam.

“O que a gente precisa é ter uma fluência mais veloz, mais eficiente e em mais ativos no setor de forma que o mercado funcione de forma mais independente da Petrobras desde a produção, do beneficiamento e do transporte do óleo e do gás bruto, até a chegada ao consumidor”, opina.

De acordo com Rodrigo Mello, o processo de desinvestimento nessas áreas, de venda dos ativos da estatal, está lento e alguns entraves se refletem no mercado, impedindo que os novos projetos deslanchem em um ritmo ainda maior.

“A produção de gás dos poços poderia disparar, se os investidores não dependessem da unidade de processamento de gás natural da Petrobras”, diz.

Essa situação, segundo ele, faz com que hoje, quando vendem a produção, esses investidores necessariamente a transporte na tubulação da Petrobras e beneficie o produto usando a estrutura da empresa, o que passa a ser um gargalo e reduz o preço de venda para o produtor.
Apesar desse entrave, Mello afirma que a expansão do setor e da cadeia de serviços associada a ele é visível.

“O que a gente já está enxergando com a chegada de várias empresas menores é a geração de emprego local, é a movimentação na locadora de veículos, na empresa que vende quentinhas, na borracharia, é o recurso rodando localmente e não só nos nossos laboratórios”, observa.

Acrescenta que antes, com a existência de uma única empresa, essa cadeia já era movimentada, mas por meio de contratos nacionais que não permitiam uma prestação de serviços integral por fornecedores do estado.

“Era uma prestação de serviços ‘quinteirizada’ ou ‘quarteirizada’. Agora, com a entrada de novas empresas, a contratação é direta. E isso é importante demais porque o recurso roda dentro do estado” observa o diretor do CTGAS-ER. “E a gente já começa a enxergar que a Mossoró de hoje está diferente da Mossoró de 2 anos atrás”, acrescenta.

No caso dos serviços de laboratórios, ele explica que a Petrobras possui laboratórios de referência no Brasil e que apenas serviços mais urgentes eram contratados fora dessa rede própria.

“Esse novo investidor tem como negócio gerenciar a produção de gás e aí ele está fazendo conosco 100% das suas amostras aqui”, acrescenta Mello, afirmando que o SENAI está se aproximando cada vez mais dessas empresas para tratar de outras soluções que porventura demandem.

Além dos serviços prestados em Natal, no CTGAS-ER, o SENAI opera em Mossoró com serviços especialmente de qualificação para operação de poços e na área de educação voltadas a essa indústria. A cidade, um dos principais polos de investimentos da cadeia do petróleo e do gás no estado, também conta com um Instituto SENAI de Tecnologias em Petróleo e Gás.

De acordo com dados do boletim de produção da Agência Nacional do Petróleo (ANP), a produção em concessões não operadas pela Petrobras em bacias maduras – de maior conhecimento geológico – saltou de 4,8 mil barris de óleo equivalentes ao dia em abril de 2018 para 19,1 mil em abril deste ano.

Indicações para a CPI da Covid no RN podem ser feitas até hoje

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que está sendo criada na Assembleia Legislativa para investigação de 12 contratos governamentais na área de saúde pública no período da pandemia de coronavírus, deve começar a avançar a partir de hoje, na prática, com as indicações dos cinco deputados que irão conduzir os trabalhos por 120 dias. As informações são da Tribuna do Norte.

O colegiado de líderes de bancadas já havia acordado, que cada bloco partidário precisa apontar os nomes dos membros da CPI até antes de começar a sessão híbrida, na manhã desta quinta-feira (30), mas existe um ‘cabo de guerra” entre a situação e a oposição, que reivindicam o direito de indicar a maioria dos deputados – três de um lado e dois de outro.

Profissionais da Enfermagem paralisam nesta quarta-feira (30) em todo o país; em Natal, ato acontece em frente ao Walfredo

Salários baixos e carga horária extenuante levam profissionais da Enfermagem a paralisar no Rio Grande do Norte e em todo o país. Os profissionais clamam pela aprovação do Projeto de Lei 2564/2020 que institui o Piso Nacional digno e a Jornada de 30 horas.

As manifestações acontecem nesta quarta-feira ( 30 de junho), no que está sendo chamado de Dia Nacional de Luta pela Valorização da Enfermagem. A paralisação será de 24 horas, no entanto, entidades representativas estão organizando atividades públicas para chamar a atenção da população e dos parlamentares para a aprovação do projeto de lei.

Em Natal, a pré-concentração será na praça Ângelo Varela, no bairro Tirol, em frente a sede do Sindicato dos Enfermeiros do Estado do Rio Grande do Norte (SINDERN) a partir das 8 horas e seguindo até às 14 horas. Após esse horário, os profissionais da Enfermagem seguem em comboio até ao encontro dos demais trabalhadores nas proximidades do Hospital Rio Grande, onde terá início às atividades. Juntos enfermeiros, técnicos, auxiliares, parteiras e demais profissionais da saúde que apoiam a luta salarial da Enfermagem seguem pelas ruas, finalizando a programação em um ato público em frente ao hospital Walfredo Gurgel.

BG

Florânia-RN: Boletim epidemiológico de Covid-19



 

Inscrições para o Enem 2021 começam nesta quarta-feira

Foto: © Marcello Casal Jr/Agência Brasil

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) inicia, nesta quarta-feira (30), as inscrições para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2021.

Os interessados poderão se inscrever na Página do Participante, até 14 de julho. A taxa de inscrição é de R$ 85 e o pagamento deve ser feito por aqueles que não estão isentos, por meio de Guia de Recolhimento da União (GRU Cobrança).

Os resultados finais das solicitações de isenção foram divulgados pelo Inep, no dia 25 de junho, e estão disponíveis na Página do Participante.

Os interessados em fazer o Enem 2021 deverão realizar a inscrição no exame, isentos ou não. O Inep preparou um passo a passo para ajudar na inscrição. Para isso, basta acessar a Página do Participante, no endereço eletrônico enem.inep.gov.br.

Provas

As provas do Enem 2021 serão aplicadas nos dias 21 e 28 de novembro, tanto a versão digital quanto a impressa. As duas versões também terão a mesma estrutura de prova: quatro cadernos de questões e a redação.

Cada prova terá 45 questões de múltipla escolha, que, no caso do Enem Digital, serão apresentadas na tela do computador. Já a redação será realizada em formato impresso, nos mesmos moldes de aplicação e correção da versão em papel. Os participantes receberão folhas de rascunho nos dois dias.

No primeiro dia, serão aplicadas as provas de linguagens, códigos e suas tecnologias, e ciências humanas e suas tecnologias, além da redação. A aplicação regular terá cinco horas e 30 minutos de duração.

No segundo dia, as provas serão de ciências da natureza e suas tecnologias, e matemática e suas tecnologias. Nesse caso, a aplicação regular terá cinco horas de duração.

Agência Brasil

São Vicente-RN: Boletim epidemiológico de Covid-19



 

Papa Francisco: Para Deus, nada é casual. A graça divina transforma a nossa vida

“Paulo, verdadeiro apóstolo” foi o tema da segunda catequese do Papa dedicada à Carta aos Gálatas. 

Na quarta-feira passada, ao inaugurar o novo ciclo, o Pontífice comentou as dificuldades enfrentadas pelo discípulo na obra de evangelização na Galácia. A sua intenção é muito clara: é necessário reafirmar a novidade do Evangelho, que os Gálatas receberam da sua pregação, a fim de construir a verdadeira identidade sobre a qual basear a própria existência.

De perseguidor a anunciador

Em primeiro lugar, Paulo sente-se obrigado a recordar que é um verdadeiro apóstolo não por causa do seu mérito, mas devido à chamada de Deus. Ele próprio conta a história da sua vocação e conversão, que coincidiu com o aparecimento do Cristo Ressuscitado durante a viagem a Damasco (cf. At 9, 1-9).

Paulo evidencia assim a verdade da sua vocação através do contraste flagrante que tinha sido criado na sua vida: de perseguidor dos cristãos porque não observavam as tradições e a lei, tinha sido chamado a tornar-se apóstolo para anunciar o Evangelho de Jesus Cristo. "Vemos que Paulo é livre: é livre para anunciar o Evangelho e também é livre para confessar os seus pecados. 'Eu era assim': é a verdade que dá liberdade ao coração, é a liberdade de Deus", explicou Francisco.

Pensando nesta sua história, Paulo está cheio de admiração e gratidão. É como se quisesse dizer aos Gálatas que podia ter sido tudo menos apóstolo. No entanto, algo inesperado aconteceu: Deus revelou-lhe o seu Filho para que pudesse tornar-se o seu arauto entre os gentios (cf. Gl 1, 15-16).

Os caminhos do Senhor são imperscrutáveis

“Quão imperscrutáveis são os caminhos do Senhor!”, disse o Papa. Tocamos esta experiência com as nossas mãos todos os dias, especialmente se pensarmos nos momentos em que o Senhor nos chamou.

Para Francisco, “nunca devemos esquecer o tempo e a forma como Deus entrou na nossa vida”: ter fixo no coração e na mente aquele encontro com a graça, quando Deus mudou a nossa existência.

“Quantas vezes, perante as grandes obras do Senhor, vem espontaneamente à mente a pergunta: como é possível que Deus se sirva de um pecador, de uma pessoa frágil e fraca, para realizar a sua vontade? E no entanto, não há nada de casual, porque tudo foi preparado no desígnio de Deus.”

Bianca Fraccalvieri – Cidade do Vaticano

terça-feira, 29 de junho de 2021

Inmet alerta para chuvas intensas em Natal e mais 45 cidades do RN

 

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu um alerta para chuvas intensas em 46 cidades do Rio Grande do Norte a partir das 21h desta terça-feira (29) até 11h da quarta (30).

O órgão aponta que as chuvas podem chegar a 20 a 30 milímetros por hora ou até a 50 milímetros por dia.

De acordo com o Inmet, há um baixo risco de alagamentos e possibilidade de pequenos deslizamentos em locais que contém com esse tipo de área.

As recomendações do instituto são de evitar enfrentar o mau tempo, observar alteração nas encostas e evitar usar aparelhos eletrônicos ligados na tomada.

As chuvas são classificadas como de “perigo potencial”, a segunda numa escala de quatro níveis.

Caso seja necessário, o órgão diz que devem ser acionados a Defesa Civil (telefone 199) e o Corpo de Bombeiros (telefone 193).

Além do Rio Grande do Norte, as chuvas também atingem cidades de Pernambuco, Paraíba, Ceará, Piauí e Maranhão.

G1RN

Sistema FIERN lança plataforma de dados online sobre energia éolica e solar

Foto: reprodução

O Rio Grande do Norte vai ganhar, a partir de 30 de junho, um grande banco de dados públicos online, com informações sobre geração de energia eólica e solar fotovoltaica no Brasil, no estado e em 34 municípios potiguares com registro de atividade eólica.

O chamado “Mapa das Energias Renováveis” foi concebido pela Federação das Indústrias do RN (FIERN) e reunirá informações oficiais atualizadas mensalmente sobre o cenário atual do setor e os projetos em andamento.

O foco será inicialmente em dados de produção de energia e em números de projetos, mas a expectativa é incorporar outras variáveis ainda neste ano, a exemplo de empregos e investimentos, diz o gerente do MAIS RN, Pedro Albuquerque.

A plataforma se soma à outra criada em agosto de 2020 sobre a indústria do petróleo e gás do estado. A partir do dia 30, quando oficialmente lançada, os dados poderão ser consultados no portal do MAIS RN e também nas páginas do Centro de Tecnologias do Gás e Energias Renováveis (CTGAS-ER) (https://www.rn.senai.br/ctgas-er/) e do Instituto SENAI de Inovação em Energias Renováveis (ISI-ER) (https://www.rn.senai.br/isi-er/).

Informações Estratégicas
“Hoje existem muitas informações disponíveis sobre energia, mas elas estão dispersas e em alguns casos demandam um olhar técnico, que possa traduzi-las e organizá-las de forma didática. Foi o que buscamos fazer com a construção dessa plataforma para ser intuitiva, mais simples e direta, mas com todas as informações estratégicas para quem acessa entender como está o setor”, explica Albuquerque.

A geração de energia no Brasil, quanto cada estado gera, os municípios que mais produzem e o número de projetos em andamento estão entre as informações que serão apresentadas, permitindo, a elaboração de rankings e outras análises sobre o crescimento do setor ao longo tempo.

Os dados têm como origem a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), mas a expectativa é que outras fontes sejam incorporadas à plataforma em um segundo momento.

O trabalho foi desenvolvido pela equipe técnica do MAIS RN, sob a coordenação do responsável pelas relações institucionais do programa, José Bezerra Marinho, e do diretor Marcelo Rosado. Atuaram nele também os programadores do setor de Tecnologia da Informação (TI) da FIERN, além de dois geógrafos e um economista da consultoria Thémata Inteligência Estratégica. O grupo contou com o suporte de técnicos do ISI-ER.

Potenciais Econômicos
Pedro Albuquerque explica que a criação do Mapa é um desdobramento do “Observatório da Indústria”, um trabalho conduzido pelo MAIS RN, por meio do qual foram mapeados os grandes potenciais econômicos do estado, incluindo energias (petróleo, eólica e solar), pesca e aquicultura, têxtil e confecções, além de fruticultura.

“Nossa proposta é que cada segmento estratégico do RN ganhe uma plataforma ‘viva’, que seja constantemente atualizada, de fácil acesso e que sirva tanto para o planejamento empresarial, como para o desenho de políticas públicas por partes dos governos locais e regionais”, complementa Albuquerque.

Após a publicação da página online serão realizados encontros com empresários e gestores para, partindo do diagnóstico, ser possível pensar em Agendas Positivas e Propositivas para o setor, uma etapa chamada pelos idealizadores do projeto de “Salas de Situação”. “Com o lançamento dessa plataforma das energias renováveis nossa expectativa é, à exemplo do que fizemos ano passado com o setor do petróleo e gás, discutir o que podemos fazer para melhorar ainda mais os indicadores”.

Os resultados foram apresentados, em primeira mão, à Comissão Temática de Energias Renováveis (COERE) da FIERN, presidida por Sérgio Freire, e que reúne representantes dos sindicatos patronais filiados à Federação, de órgãos e instituições relacionadas às energias renováveis.

Tenente Laurentino Cruz-RN: Cronograma de vacinação


 

ABC de Natal completa 106 anos nesta terça-feira

 

No dia 29 de junho de 1915, às 13 horas, na Avenida Rio Branco, no bairro da Ribeira, surgia o ABC Futebol Clube. O tradicional clube potiguar completa 106 anos de histórias nesta terça-feira, 29 de junho.

Dentro da programação de aniversário, o clube realiza hoje uma Missa em Ação de Graças, às 19h30, no estádio Frasqueirão. A celebração será presidida pelo Padre Antônio Murilo, que sempre deixou clara sua torcida pelo Alvinegro.

Dono de 56 títulos estaduais e de uma Série C do Campeonato Brasileiro, o ABC tem, no ano do seu 106º aniversário, a missão de sair da Série D do futebol nacional. Até agora, em quatro jogos, foram três vitórias e uma derrota, campanha que deixa a equipe na liderança do grupo A3 da competição, com nove pontos.

Na atual temporada, o Alvinegro acumula façanhas. Com elenco limitado, o time já superou Botafogo/RJ, time da Série B, e Chapecoense/SC, que está na Série A, na Copa do Brasil. O próximo adversário na competição é o Flamengo/RJ, com jogos marcados para 28 de julho e 4 de agosto no Rio e em Natal, respectivamente. Mas também vem de uma frustação com a perda do título do Campeonato Potiguar, que seria 57º de sua galeria.

A próxima partida está marcada para o sábado (03), contra o Caucaia/CE, pela 5ª rodada da primeira fase da Série D. O jogo será no estádio Raimundão, em Caucaia, às 16 horas.

Portal da Tropical

Tenente Laurentino Cruz-RN: Boletim epidemiológico de Covid-19



Estudo aponta o melhor horário do dia para prática de atividade física

Foto: MesquitaFMS/Getty Images

O pai da medicina, o grego Hipócrates (460 a.C.-370 a.C), já intuía que o casamento entre a nutrição adequada e a atividade física é que fazia uma pessoa saudável: “Para o homem se manter sadio não basta se alimentar, mas também praticar algum tipo de movimento”. Milênios a fio, contudo, pouco fizeram avançar as certezas científicas da conexão de uma coisa com a outra. Foi apenas no fim dos anos 1940, fruto de uma curiosa experiência, que se confirmou a relevância dos corpos em ação. Um médico do Reino Unido, o inglês Jeremy Morris (1910-2009), ficou convencido de que a ocorrência cada vez maior de ataques cardíacos e doenças coronarianas tinha relação com o sedentarismo e não apenas com a idade ou o stress crônico, como se imaginava. Com verbas escassas, depois da II Guerra, Morris foi criativo.

Ocorreu-lhe que os ônibus londrinos de dois andares eram um laboratório perfeito para sua investigação comparativa, já que os motoristas ficavam o tempo todo sentados e os cobradores subiam e desciam as escadas. Ele acompanhou 35 000 profissionais durante dois anos e descobriu que os condutores, de modo geral, tinham risco duas vezes maior que os cobradores de sofrer um ataque do coração. Pela primeira vez na história, alguém fazia uma ligação direta entre exercício e saúde.

Desde então, entender quanto e como devemos nos movimentar virou uma das áreas mais interessantes e influentes da medicina. A compreensão do funcionamento do organismo que se mexe resultou, agora, em uma novíssima e detalhada certeza: qual hora do dia é a mais adequada para a malhação? Um estudo recente sugere que o melhor momento para a saúde metabólica é o fim da tarde — mais especificamente às 18h30, ao anoitecer. Conduzido pelo reputado Instituto Mary MacKillop da Universidade Católica Australiana, o trabalho avaliou o impacto do treino em dois índices extremamente relevantes, o colesterol e o diabetes. Nenhum estudo havia definido os ponteiros do relógio tão precisamente. Os pesquisadores avaliaram a saúde de 24 homens. Mulheres não foram incluídas para excluir eventuais alterações relacionadas ao ciclo menstrual (mas os resultados são, sim, unissex). Todos os voluntário eram obesos. Durante o trabalho, eles receberam uma dieta específica, composta de 65% de gordura (uma refeição equilibrada contém até 35%). Foram formados dois grupos. Um deles se exercitou todos os dias às 6h30; o outro, às 18h30. Praticaram a mesma atividade, que misturou intervalos breves e intensos de bicicleta ergométrica em um dia com exercícios mais leves e longos na jornada seguinte. Já no quinto dia os especialistas começaram a chegar a algumas conclusões: os exercícios realizados no fim da tarde reduziram o impacto da dieta gordurosa no colesterol e no diabetes. O treino praticado pela manhã não produziu mudanças.

Foto: Arte treino/Veja

Os cientistas ainda não identificaram a razão exata por trás dos resultados, mas há uma hipótese: no decorrer do dia, com o corpo naturalmente aquecido, há reação mais imediata dos músculos. Nesse horário, foi identificada também maior propensão genética à metabolização de proteínas, atalho para fortalecimento corpóreo. Os médicos, no entanto, advertem que não é o caso de ficarmos limitados a determinados horários para fazer exercícios. “Independentemente do período do dia, qualquer atividade física é imensamente melhor do que não fazer nada”, diz Antonio Carlos do Nascimento, doutor em endocrinologia pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo.

Convém sempre beber um pouquinho mais da imaginação pioneira de Hipócrates, antessala antiquíssima do modismo da malhação que começou a brotar nos anos 1980, como mostra a série Physical (leia na pág. 84). A dieta dos voluntários do estudo foi piorada exponencialmente com o objetivo de analisar os efeitos da ginástica mais claramente. No entanto, sabe-se, hoje, tal qual o lendário grego supôs, que a influência da alimentação na saúde e no emagrecimento pode ser ainda maior que a do exercício físico em si. Um estudo recente da Universidade Harvard, nos Estados Unidos, por exemplo, mostrou uma relação da dieta com o diabetes maior do que se acreditava: o consumo de gordura trans (e não só do açúcar) aumenta o risco da doença. Em compensação, a ingestão de gorduras boas, como as encontradas em peixes e óleos vegetais, reduz a probabilidade do desenvolvimento do problema. Os brasileiros não só se alimentam mal como não praticam atividade física a contento. Oito em cada dez adultos não mantêm uma dieta balanceada e quatro em cada dez são considerados sedentários. Na pandemia, o cenário ainda piorou: 20% das pessoas ganharam peso durante as quarentenas, proporção idêntica dos que deixaram os treinos de lado. Resumo da ópera: o bom senso manda comer direito e não parar quieto — e nada como pôr um tênis e sair para dar uma volta nos bonitos crepúsculos do inverno.

Veja

Florânia-RN: Boletim epidemiológico de Covid-19



 

SINE-RN oferece 37 vagas de emprego nesta terça para Natal, região metropolitana, Mossoró e regiões

 A Subsecretaria do Trabalho da Sethas-RN, através do SINE-RN, oferece nesta terça-feira, dia 29 de junho, 37 vagas de emprego para Natal, Região Metropolitana, Pau dos Ferros, Mossoró e regiões.

Para concorrer às vagas, o(a) candidato(a) deve se cadastrar via Internet no Portal Emprega Brasil do Ministério do Trabalho e Emprego, através do endereço empregabrasil.mte.gov.br ou nos aplicativos Sine Fácil e Carteira de Trabalho Digital, disponíveis para Android e IOS.

Quer tirar alguma dúvida ou agendar um atendimento? Ligue: (84) 3190-0783, 3190-0788.

O atendimento é de segunda a sexta, das 8h às 12h.

QUANTIDADE DE VAGAS POR REGIÃO

Natal e Região Metropolitana

AUXILIAR DE ARMAZENAMENT 03

CONFERENTE MERCADORIA (EXCETO CARGA E DESCARGA) 20

MECÂNICO DE MANUTENÇÃO DE ÔNIBUS 01

MECÂNICO DE MANUTENÇÃO HIDRÁULICA 01

MECÂNICO DE REFRIGERAÇÃO 04

TÉCNICO EM MANUTENÇÃO DE EQUIPAMENTOS E INSTRUMENTOS MÉDICO-HOSPITALARES 01

TORNEIRO MECÂNICO 01

Vagas Temporárias

TÉCNICO EM ELETROMECÂNICA 01

TÉCNICO EM SEGURANÇA DO TRABALHO 01

Mossoró e Região

AJUDANTE DE LUBRIFICAÇÃO (INDÚSTRIA) 01

SOLDADOR 02

Pau dos Ferros e Região

PROMOTOR DE VENDAS 01

Total geral = 37 vagas

Município de Tenente Laurentino Cruz emite Certidão Negativa de Débitos Federais

Após 6 anos, o município de Tenente Laurentino Cruz/RN consegue emitir novamente Certidão Negativa de Débitos Federais junto a Receita Feder...