sábado, 12 de junho de 2021

Novo decreto com medidas de combate à covid-19 começa a vigorar em Currais Novos a partir da próxima segunda, dia 14

A Prefeitura de Currais Novos editou nesta sexta-feira (11), novo decreto estabelecendo a continuidade das medidas restritivas visando o combate à Covid-19, porém permitindo a abertura gradual para alguns setores.

O novo Decreto trás algumas novidades como a autorização para o funcionamento dos serviços de barbearias e salões de beleza, mediante o cumprimento de medidas que mitiguem o atendimento ao público entre outras medidas de segurança.

Além disso, o novo decreto autoriza o retorno das aulas presenciais em estabelecimentos privados de ensino da educação infantil e ensino fundamental até o 3º ano, mantendo-se a proibição das aulas presenciais para os demais anos de ensino e para rede municipal de ensino, incluindo o ensino superior, técnico e profissionalizante, devendo, quando possível, manter o ensino remoto.

Fica proibida ainda, a realização de quaisquer atos que configurem festejos juninos no âmbito do município de Currais Novos/RN, incluindo o acendimento de fogueiras e a utilização de fogos de artifício, de modo a diminuir as ocorrências de queimaduras e de síndromes respiratórias nos serviços de saúde públicos e privados.

As ações de fiscalização do novo decreto irão continuar diuturnamente, num trabalho conjunto com a Vigilância Sanitária e a Polícia Militar, por meio do Núcleo de Prevenção da 3ª CIPM e da Associação de Brigadistas e Socorristas Mandacaru, visando o combate às aglomerações com o objetivo diminuir o número de internações e transmissibilidade da Covid-19.

O novo decreto, que entra em vigor a partir da próxima segunda-feira (14), fica em vigência até o próximo dia 27 de junho.












Brasil vai vacinar adolescentes de 12 a 17 anos após finalizar distribuição de doses para adultos, anuncia Queiroga

Foto: reprodução/CNN Brasil O Brasil vai iniciar a vacinação de adolescentes entre 12 e 17 anos assim que já tiver distribuído doses a todos...