sábado, 10 de julho de 2021

Paróquia de Sant’Ana de Caicó comunica que não realizará o Pavilhão Cultural presencialmente

NOTA:

Todos nós desejamos o quanto antes a retomada da vida com a liberdade que a atual pandemia da COVID-19 restringiu. Reconhecemos a importância da vida espiritual para o fortalecimento de todos nós, neste momento que exige paciência, caridade e prudência. A Igreja Católica tem, desde então, empenhado seus esforços para que suas ovelhas tenham a saúde espiritual e física preservadas, razão que nos faz observar as eficazes medidas de segurança, como uso de máscara e álcool, sem aglomerações.

Em todo o Seridó, sentimos a excepcionalidade deste momento sobretudo na realização das festas de nossos Santos Padroeiros. A alegria dessas ocasiões contagia cada cidade, e as famílias acolhem seus membros que, residindo noutros lugares, chegam para celebrar a fé e a cultura de sua gente. A festa de Sant’Ana de Caicó, por ser a mais antiga da região seridoense e a que mais pessoas congrega, foi certamente a que mais impacto causou em ser celebrada com presença tão restrita de fiéis.

Apesar dos atuais decretos autorizando a retomada gradual e responsável das atividades sociais coletivas e, não obstante o avanço da imunização da população brasileira, mesmo que a Paróquia de Sant’Ana de Caicó seja autorizada pelo Comitê Municipal de Combate à COVID-19 a ocupar o espaço exterior da Catedral Diocesana para o ato religioso e a programação social, comunica que não realizará o Pavilhão Cultural presencialmente. A depender do juízo desse mesmo Comitê, poderá vir a utilizar o espaço externo para as novenas.

Comissão Organizadora da Festa de Sant’Ana de Caicó (RN) entende que o momento é ainda bastante delicado e não deseja que a realização responsável do Pavilhão Cultural, que observaria absolutamente todas as medidas do Comitê Municipal, seja ocasião para que pessoas negligentes venham a descumprir essas mesmas precauções, fosse no pavilhão ou em outros ambientes.

Outrossim, reafirma seu compromisso em defesa da vida de todas as pessoas, indistintamente, e recomenda que participem das atividades religiosas presenciais somente as pessoas que não apresentarem sintomas da COVID-19 e comprometam-se a usar máscara, álcool e não fazer aglomeração. Seria triste que a festa em honra da Padroeira de Caicó e de todo o Seridó fosse ocasião para não se viver o amor ao próximo, condição essencial para o amor a Deus, a quem pedimos que abençoe a nós, povo de Deus e seus ministros servidores.

Dom Antonio Carlos Cruz Santos, MSC

Bispo Diocesano de Caicó-RN

Pe. Alcivan Tadeus Gomes de Araújo

Pároco de Sant’Ana de Caicó

Comissão Organizadora da Festa de Sant’Ana de Caicó

Brasil vai vacinar adolescentes de 12 a 17 anos após finalizar distribuição de doses para adultos, anuncia Queiroga

Foto: reprodução/CNN Brasil O Brasil vai iniciar a vacinação de adolescentes entre 12 e 17 anos assim que já tiver distribuído doses a todos...